ULTIMAS NOTICIAS

domingo, 9 de outubro de 2016

Quem faz mais falta para sua seleção? Messi ou Neymar

Domingo, 09 de outubro de 2016
Virou rotina. Seja por contusões, caso de Messi, ou suspensões e Olimpíada, para Neymar, os dois craques do Barcelona viraram desfalques frequentes em jogos de suas seleções. E qual dos dois faz mais falta? Para responder isso, o ESPN.com.br levantou o aproveitamento de Argentina e Brasil a partir do primeiro jogo da Copa do Mundo de 2014 até hoje.

E a resposta é sinal de preocupação tanto para Tite, que não terá seu camisa 10 na próxima terça-feira contra a Venezuela, em jogo que o Brasil tem a chance de assumir a liderança das eliminatórias, quanto para Edgardo Baúza, o técnico argentino que não terá Messi também na próxima rodada das eliminatórias, contra o Paraguai.

A partir da estreia do Mundial de 2014, o Brasil fez 24 jogos com seu maior jogador em campo. Nesses confrontos, somou 19 vitórias, empatou 4 vezes e perdeu apenas uma, o que significa um fantástico aproveitamento de 85%.

Sem o camisa 10, o desempenho brasileiro despenca para 50%, com 5 vitórias, 3 empates e 4 derrotas. Nas eliminatórias, o Brasil ganhou 78% dos pontos quando Neymar jogou e apenas 44% nas três vezes em que ele ficou de fora.

No caso da Argentina, a diferença global com Messi em campo e sem ele não é tão grande. Sempre considerando o início da Copa até hoje, foram 28 jogos com o maior jogador do mundo escalado, com 19 vitórias, 6 empates e 3 derrotas, aproveitamento de 75%.

No mesmo período, já são 11 partidas sem Messi, com 6 vitórias, 4 empates e apenas 1 derrota, o que significa um bom aproveitamento de 67%. Mas quando se olha apenas o que acontece nas eliminatórias a falta do craque é dramática.

Com ele em campo, foram três jogos e três vitórias, 100% de aproveitamento. Nas seis partidas em que ele não atuou, o desempenho despenca para 39%. Assim, a Argentina ocupa apenas a quinta posição, fora da zona de classificação direta para a Copa.

Para Alê Oliveira, Coutinho é mais jogador que Willian e Giuliano é melhor que Paulinho.

Amigos no Barcelona, Neymar e Messi podem ser adversários em novembro, quando Brasil e Argentina se enfrentam em Belo Horizonte. O primeiro pelo menos estará livre de suspensão. Resta saber se Messi estará recuperado de contusão.



ESPN 

Perfil de ""

Formado em radialismo,Cursou A FUNETECE,Ensino médio Completo,E-mail: radialistasergiothiago@gmail.com.

Postar um comentário

 
Copyright © 2013 PORTAL CONTINENTAL
Design by | T