ULTIMAS NOTICIAS

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2021

Nota de falecimento: morre Antônio Lira, mais conhecido por Lelê. Era era tio de Wilton Lira (Ito) que é conselheiro tutelar

Quinta-feira, 25 de fevereiro de 2021
Antônio Lira (Lelê), faleceu na manhã de hoje
Foto: Reprodução
Faleceu na manhã desta quinta-feira o senhor Antônio Lira da Silva, mas conhecido por Lelê.

Lelê morava na rua José Ferreira de Paiva e era muito conhecido aqui em Caldas Brandão. Lelê era tio de Wilton Lira (Ito) que foi eleito para o conselho tutelar do município.

O corpo de Antônio Lira (Lelê) está sendo velado em sua residência no endereço mencionado acima.

O seu sepultamento acontece na tarde desta sexta-feira (25/02/2021) as 16:00hs no cemitério aqui da cidade.

A família enlutada convida a todos para participar do velório e sepultamento de Lelê.

O Portal Continental presta condolências neste momento difícil.
Foto de Lelê. Imagem reproduzida da rede social de Wilton Lira



Portal Continental

Flamengo busca hoje o bicampeonato do Brasileirão

Quinta-feira, 25 de fevereiro de 2021
Matéria de Bruno Rodrigue do Folhapress
Foto: Ascom
Matéria do BRUNO RODRIGUES SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – O Campeonato Brasileiro de 2020 terá sua história contada por dois fatores, e um deles surge como consequência do outro.

A pandemia bagunçou o calendário de disputas e jogou o Nacional para este ano de 2021. Como resultado de todo esse quadro de complicações logísticas e técnicas, a Covid-19 imprimiu à competição a marca da imprevisibilidade, da mesma forma que em outras ligas pelo mundo.

Nos dois jogos em que há possibilidade de título nesta quinta-feira (25), há três clubes que lideraram o campeonato e se colocaram, em algum momento, como favoritos à conquista.

Agora é a vez de o Flamengo, líder do Nacional e a uma rodada de faturar a taça, tentar confirmar seu favoritismo. Os rubro-negros visitam nesta quinta (25) o São Paulo, às 21h30, no Morumbi. Com 71 pontos no topo da tabela, um triunfo garante o título aos cariocas, já que o vice Inter tem 69 pontos.

O cenário, porém, não é dos mais simples. O Rubro-Negro enfrenta o quarto colocado São Paulo, que precisa também da vitória para garantir uma classificação direta à fase de grupos da Copa Libertadores.

O clube do Morumbi chegou a liderar o Nacional com sete pontos de vantagem para o segundo colocado, mas colapsou na reta final e demitiu seu técnico, Fernando Diniz. Na última segunda-feira (22), foi ao Rio de Janeiro com a perspectiva de garantir um lugar nos grupos do torneio continental, mas perdeu por 1 a 0 para o lanterna Botafogo.

Além de valer muito para o São Paulo, o confronto é cercado por um forte componente emocional e histórico. Maior ídolo da história tricolor, Rogério Ceni, atual técnico do Flamengo, poderá erguer a taça de campeão nacional no lugar onde se acostumou a celebrar vitórias pela equipe paulista.

O treinador de 48 anos busca sua primeira conquista na elite do país –foi campeão da Série B, com o Fortaleza, em 2018.

É sob essa condição que ele e seus comandados buscarão um triunfo no Morumbi, onde o clube carioca não vence desde 2011. A última vez que o Flamengo ganhou no estádio, pelo Brasileiro daquele ano, Ceni ainda era goleiro do São Paulo.

Nesta temporada, os rubro-negros também buscam superar os tricolores pela primeira vez. No primeiro turno do Nacional, os são-paulinos golearam por 4 a 1. Ainda houve dois confrontos pela Copa do Brasil, com vitórias por 2 a 1 e 3 a 0. Todas com Rogério Ceni no comando.

No duelo desta quinta, o Flamengo tem o grupo completo, enquanto o São Paulo possui alguns desfalques. Os laterais esquerdos Reinaldo e Léo estão suspensos. Assim, Wellington, de 20 anos, deve jogar.

Carneiro, por sua vez, não se recuperou do trauma no quadril sofrido no clássico contra o Palmeiras.

No entanto, Marcos Vizolli conta com a volta do capitão Daniel Alves, que estava suspenso no confronto contra o Botafogo.

SÃO PAULO
Tiago Volpi; Diego Costa, Bruno Alves, Arboleda; Igor Vinicius, Luan, Daniel Alves, Tchê Tchê, Welington; Pablo, Luciano. T.: Marcos Vizolli

FLAMENGO
Hugo; Isla, Rodrigo Caio, Gustavo Henrique, Filipe Luís; Diego, Gerson, Everton Ribeiro, Arrascaeta; Bruno Henrique, Gabigol. T.: Rogério Ceni

Estádio: Morumbi, em São Paulo
Horário: 21h30 desta quinta-feira
Juiz: Rodolpho Toski Marques (PR)



Por: BRUNO RODRIGUES (FOLHAPRESS)

Dívida pública sobe em janeiro e atinge R$ 5,06 trilhões

Quinta-feira, 25 de fevereiro de 2021
Matéria do Site Agência Brasil
Imagem ilustrativa (Foto: Agencia Brasil)
Depois de ultrapassar a barreira de R$ 5 trilhões em dezembro, a Dívida Pública Federal continuou a subir em janeiro. No mês passado, o indicador encerrou em R$ 5,06 trilhões, com alta de 0,99% em relação a dezembro. A informação foi divulgada hoje (24) pelo Tesouro Nacional.

A dívida pública mobiliária (em títulos) federal interna subiu 1,16% passando para R$ 4,821 trilhões. No mês passado, o governo emitiu R$ 25,41 bilhões a mais do que resgatou. Além disso, houve a incorporação de R$ 29,92 bilhões em juros, quando o governo reconhece gradualmente os juros que incidem sobre a dívida.

A dívida pública externa caiu de R$ 243,45 bilhões em dezembro para R$ 237,88 bilhões em janeiro. Apesar de o dólar ter subido 5,37% no mês passado, o vencimento de R$ 18,59 bilhões em títulos brasileiros em circulação no mercado externo contribuiu para a redução do indicador.

Tradicionalmente, os resgates superam as emissões de títulos em janeiro porque, no primeiro mês de cada trimestre, ocorre a concentração de vencimentos de papéis prefixados (com taxas definidas antecipadamente). No entanto, nos últimos meses, o Tesouro tem emitido mais títulos públicos para recompor o colchão da dívida pública (reserva financeira usada em momentos de turbulência), que foi parcialmente consumido no início da pandemia do novo coronavírus.

Em janeiro, o Tesouro emitiu R$ 155,354 bilhões, acima de R$ 150 bilhões pelo quinto mês consecutivo. No entanto, os resgates somaram R$ 129,94 bilhões, impulsionados principalmente pelo vencimento de R4 43,2 bilhões em títulos prefixados.

Por meio da dívida pública, o governo pega dinheiro emprestado dos investidores para honrar compromissos financeiros. Em troca, compromete-se a devolver os recursos depois de alguns anos, com alguma correção, que pode seguir a taxa Selic (juros básicos da economia), a inflação, o dólar ou ser prefixada (definida com antecedência).



Por: Agência Brasil

Bandidos roubam loja e residência de casal de empresários mortos por Covid-19, na PB

Quinta-feira, 25 de fevereiro de 2021
Matéria do Paraíba.com.br
A loja e a residência do casal de empresários José Carlos Abreu Cartaxo, de 39 anos, e Lívia Gonçalves de Abreu, de 35 anos, que morreu de Covid-19 com apenas 20 minutos de diferença entre os óbitos, foi roubada na madrugada desta quarta-feira (23), em Cajazeiras, Sertão do Estado.

De acordo com o delegado Glauber Fontes, diligências estão sendo feitas na cidade em busca dos objetos furtados do local. Foram levados um paredão de som, aparelho de TV e mais outros diversos objetos de valor que estavam no local.

O empresário que era conhecido como Carlinhos Paredão e sua esposa faleceram em decorrência da Covid-19, na segunda-feira (22).

Vídeos feitos pela família do casal mostram o local revirado pelos bandidos.

O delegado Fontes vai dar mais informações a respeito do crime no Cidade em Ação, na TV Arapuan, a partir das 11h30.



Por: Portal Paraíba.com.br

Paraíba terá no orçamento mais de 240 milhões em emendas parlamentar

Quinta-feira, 25 de fevereiro de 2021
Matéria do Site WSCom
O coordenador da bancada da Paraíba, no Congresso Nacional, deputado Efraim Filho (DEM), disse que a reunião do colegiado nessa quarta-feira (24), foi positiva e a estruturação da rede pública de saúde foi um dos temas que mais foi citado. As obras de mobilidade urbana também chamaram atenção nesta reunião.

De acordo com Efraim Filho várias propostas foram encaminhadas. O Governador João Azevedo citou 13 eixos de desenvolvimento do Estado, com destaque para as áreas de saúde, educação, turismo, agricultura, recursos hídricos e transportes. Dentro das prioridades do governador estão a dragagem do Porto de Cabedelo e o Centro de Convenções de Campina Grande.

“Esta reunião foi necessária para sabermos as prioridades do estado e dos municípios. Essa oportunidade de ouvir os setores é de grande valia para o momento de indicação dos recursos. A distribuição de valores para investimentos e custeio tem que ser analisada pelo colegiado.” Declarou Efraim Filho.

Além das obras já citadas estão o aeroporto de Patos, construção da entrada do ramal de Piancó (também chamado de terceiro eixo da Transposição do Rio São Francisco na Paraíba) e investimentos em saúde e educação.

O próximo passo é a apresentação das emendas individuais e de bancada, até o dia primeiro de março. “As emendas de bancada totalizam 241 milhões e 460 mil, para serem distribuídas entre os parlamentares (senadores e deputados)”. Efraim Filho disse ainda que das emendas individuais, cada parlamentar terá direito a uma emenda no valor de 16 milhões, que podem ser divididas em 25 sugestões. A previsão é de que o Congresso Nacional vote o projeto orçamentário no final de março.

Também participaram do encontro o prefeito de Campina Grande, Bruno Cunha Lima (PSD) e o secretário de Gestão Governamental e Articulação Política, Diego Tavares (PP), representando o prefeito da capital, Cícero Lucena (PP). Além do prefeito de Pedras de Fogo e ex-deputado federal, Manoel Júnior (PSC).

O deputado estadual Wilson Filho (PTB) acompanhou as discussões e propostas dos senadores de parlamentares federais.

A bancada paraibana é composta por 12 deputados federais e três senadores.



Por: WSCom

TCU: pagamentos irregulares do auxílio somaram R$ 54 bi em 2020

Quinta-feira, 25 de fevereiro de 2021
Os pagamentos indevidos foram calculados em R$ 54,66 bilhões - cerca de 18% dos R$ 293 bilhões efetivamente destinados ao programa no ano passado.
Os pagamentos indevidos foram calculados em R$ 54,66 bilhões - cerca de 18% dos R$ 293 bilhões efetivamente destinados ao programa no ano passado. (Foto: Reprodução)
O Tribunal de Contas da União (TCU) estima que 7,3 milhões de pessoas podem ter recebido o auxílio emergencial de forma irregular e que outras 6,4 milhões de mulheres podem ter sido contempladas com a cota em dobro sem merecê-la. Os pagamentos indevidos foram calculados em R$ 54,66 bilhões - cerca de 18% dos R$ 293 bilhões efetivamente destinados ao programa no ano passado.

O balanço final das fiscalizações sobre o auxílio emergencial foi divulgado na quarta-feira (24) pela corte de contas. Os técnicos chamaram a atenção para o fato de que o valor desembolsado indevidamente pela União seria suficiente para bancar três parcelas adicionais de R$ 300 a 60 milhões de brasileiros.

Atualmente, está em discussão uma nova rodada do auxílio, com quatro parcelas de R$ 250 a até 40 milhões de brasileiros. Após resistir ao relançamento do benefício, a equipe econômica tem tentado limitar seu alcance para conter o impacto fiscal, já que a despesa será bancada com mais emissão de dívida pública e ficará fora do teto de gastos (que limita o avanço das despesas à inflação).

Desde o início da implementação do auxílio, notícias de pagamentos indevidos revoltaram a sociedade. Pessoas com renda mais elevada e até servidores civis e militares foram flagrados recebendo o benefício, deflagrando fiscalizações dos órgãos de controle.

O auxílio tinha como objetivo ajudar pessoas com renda familiar de até R$ 522,50 por pessoa (o equivalente a ¼ do salário mínimo em 2020), mas o TCU estima que 7,3 milhões de famílias estão fora desse critério de público-alvo. Os cálculos foram feitos a partir do cruzamento das informações do auxílio com a base de dados da Pnad Contínua de 2019, pesquisa do IBGE que traz os dados declarados pelas próprias famílias sobre emprego e rendimento.

Há ainda estimativa de que 8 milhões de pessoas receberam o auxílio mesmo quando já excediam o limite de até dois membros da família contemplados.

Ao longo dos últimos meses, o TCU abasteceu o governo com cruzamentos de dados que viabilizaram o cancelamento tempestivo de alguns benefícios. Segundo o relatório, foram efetivamente detectados 3,7 milhões de benefícios irregulares, economizando R$ 8,8 bilhões. "As irregularidades abordam pessoas que tinham emprego formal, outro benefício federal ou descumpriam limites de renda e membros por família que podem receber. Também integravam a base de dados pessoas falecidas ou que moram fora do Brasil", diz o TCU.

Em tese, esse contingente estaria dentro dos 7,3 milhões de pagamentos indevidos que foram estimados, mas os técnicos da corte de contas consideram que a própria previsão é conservadora pois foi feito um ajuste nos dados considerando a queda abrupta na renda de trabalhadores formais. Se a renda caiu menos do que o estimado nesse ajuste, mais pessoas podem ter recebido indevidamente.

A prova disso é que os dados de cancelamentos vão até agosto, quando o auxílio emergencial tinha 64,9 milhões de beneficiários. Em dezembro, o auxílio emergencial residual tinha 56,8 milhões de beneficiários. Ou seja, saíram pelo menos 8 milhões entre setembro e dezembro.

Para ajudar a resolver o problema dos pagamentos indevidos, o TCU fez determinações e recomendações para atacar as causas, em especial a insuficiência das bases de dados, as falhas das regras de elegibilidade, a autodeclaração de informações de renda e composição familiar e, ainda, a não verificação periódica dos requisitos legais.

O TCU ainda determinou que o Ministério da Cidadania verifique, mensalmente, se os beneficiários continuam sem emprego formal ou sem receber algum outro benefício federal.



Por: R7

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2021

Novo auxílio emergencial terá quatro parcelas de até R$ 250

Quarta-feira, 24 de fevereiro de 2021
Matéria do Portal do Litoral
O governo já bateu o martelo sobre a volta do auxílio emergencial. A meta é pagar quatro parcelas de R$ 200 entre março e junho, valor que poderá subir para R$ 250 numa negociação com o Legislativo. Esse é o máximo que a equipe econômica considera viável sem agravar ainda mais as contas públicas.

Pelos cálculos do governo, poderão ser beneficiadas até 40 milhões de pessoas, parte delas já inscritas no Bolsa Família. As contas de técnicos da Esplanada são de que, para bancar o benefício, o Tesouro Nacional terá de se endividar em pelo menos R$ 30 bilhões. O complemento necessário virá do orçamento do Bolsa Família, previsto em R$ 34,8 bilhões para todo o ano de 2021.

Para que o pagamento do auxílio emergencial seja iniciado ainda em março, o governo precisa, porém, que o Congresso aprove a PEC Emergencial o mais rapidamente possível. A minuta do documento já foi distribuída pelo relator da PEC, senador Márcio Bittar, aos líderes partidários.

Pelo cronograma traçado pela equipe econômica, a PEC deverá ser aprovada ainda na quinta-feira (25/2) no Senado e, no máximo, em duas semanas, na Câmara.

A partir daí, o governo editará uma Medida Provisória definindo o valor efetivo do benefício.



Por: Portal do Litoral

Novo decreto do governo da Paraíba vai fechar bares e impor toque de recolher para 144 cidades

Quarta-feira, 24 de fevereiro de 2021
Matéria de Laerte Cerqueira e Angélica Nunes
Foto: Walter Paparazzo /G1
O governador da Paraíba, João Azevêdo (Cidadania), finaliza e publica, nesta terça-feira (23), um novo decreto com medidas mais restritivas que valem por 15 dias para os municípios que foram classificados na última avaliação do Plano Novo Normal nas bandeiras laranja e vermelha. Atualmente 138 cidades estão na bandeira laranja, inclusive as que compõe a Grande João Pessoa, e seis na vermelha.

Conforme informações que o Conversa Política teve acesso, logo no início da manhã, a proposta de ‘toque de recolher’ que havia sido sugerida pelo prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena (PP), na reunião de ontem no Palácio da Redenção, vai ser expandida para outras cidades. Assim, as autoridades de segurança terão que controlar a presença de pessoas nas ruas no período de 22h até as 5h da manhã. Poderão circular apenas as que atuem em setores essenciais. “Vamos preservar a mobilidade de pessoas que trabalham em setores que precisam se deslocar nesse período”, pontuou o governador, em entrevista à TV Cabo Branco.

Bares e restaurantes
Além disso, bares e restaurantes só poderão abrir das 6h às 16h. O horário é mais rígido do que o anunciado por Cícero Lucena, que foi de até às 20h para venda de bebida alcoólica e 22h para fechamento do estabelecimento. “Das 16h até às 22h poderão funcionar através de delivery ou do cidadão indo buscar no local”, destacou João.

Aulas
O novo decreto estabelece que aulas dos alunos do ensino médio e superior só poderão ser realizadas de forma on-line. Já os alunos do fundamental e infantil estão liberados, desde que seja propiciado aos pais ou responsáveis o sistema remoto de ensino. Os alunos da rede pública estadual estão com as aulas suspensas desde ontem.

Praias
João disse que medidas complementares poderão ser adotadas, porque já estão definidas com os prefeitos da Região Metropolitana de João Pessoa, como o fechamento das praias. Assim, ciclovias e calçadinhas estarão proibidas, devido à grande aglomeração registrada neste locais. “É uma ação que todos os municípios litorâneos concordaram que é necessária para este momento”, comentou. Mais detalhes serão definidos em um decreto conjunto, assinado pelos gestores do Consórcio Metropolitano de João Pessoa, a ser divulgado ainda hoje.

Multas
O decreto prevê que em caso de descumprimento será aplicada uma multa e o estabelecimento deve ser fechado por sete dias. Em caso de reincidência, ele será fechado por 14 dias, antecipou o governador. “Não queremos aplicar esse tipo de sanção. Agora existe um protocolo que estabelece para cada segmento como deve funcionar. Se o segmento não cumpre, evidentemente que essas pessoas precisam entender que elas fazem parte de um conjunto que pode prejudicar esse conjunto”, comentou.

Confira o que muda:
-Toque de recolher das 22h às 5h
-Bares e restaurantes funcionarão das 6h às 16h
-Festas e eventos estão proibidos
-Redução do funcionamento dos shoppings, das 9h às 21h (devido ao toque de recolher)
-Aulas de ensino médio e superior só on-line; alunos do infantil e fundamental liberados com protocolos
-Missas e cultos estão suspensos
-Bloqueio das praias – inclui faixa de areia e calçadinha

O que continua igual:
-Academias e atividades esportivas
-Pousadas e hotéis, desde que atendam aos protocolos sanitários
-Restaurantes dos hotéis continuam funcionando para público interno
-Construção civil, call center e indústrias, porque têm ambiente controlado
-Eventos esportivos, sem a presença de público.



Por: Laerte  Cerqueira e Angélica Nunes

INSS amplia prova de vida digital para 5,3 milhões de beneficiários

Quarta-feira, 2de fevereiro de 2021
Matéria da Agência Brasil
Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) – Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil
O governo ampliou hoje (23) para mais 5,3 milhões de aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) o projeto piloto que permite fazer a prova de vida anual por meio de aplicativo de celular.

A prova de vida digital é feita por biometria facial e dispensa o comparecimento presencial ao banco em que se recebe o benefício, onde normalmente é feito o procedimento. O projeto piloto foi lançado em agosto e vem sendo expandido desde então.

Para realizar a biometria facial, são usadas as bases de dados do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e do Tribunal Superior Eleitoral. Por esse motivo, o acesso está sendo liberado, no momento, somente para segurados que tenham carteira de motorista ou título de eleitor, informou o INSS.

A prova de vida digital está disponível no aplicativo MeuGov.br, que concentra em um login único diversos serviços do governo. A ferramenta pode ser baixada em celulares com sistema operacional Android ou iOS.

O INSS divulgou um passo a passo do procedimento, que pode ser visto no YouTube. O resultado da validação facial pode depois ser consultado no aplicativo Meu INSS.

Mais acessível
O INSS já começou a notificar, via SMS e e-mail, os 5,3 milhões de aposentados e pensionistas elegíveis nesta etapa da prova de vida digital. O número é equivalente à quantidade de beneficiários que não fizeram a prova de vida no ano passado, segundo o presidente do órgão, Leonardo Rolim.

“Estamos muito confiantes de que a maior parte da população vai conseguir fazer essa prova de vida de uma maneira simplificada e acessível”, disse Rolim nesta terça-feira (23), em uma transmissão ao vivo pelo canal da Secretaria de Previdência e Trabalho, do Ministério da Economia, no YouTube.

Desde março do ano passado, a exigência da prova de vida anual para o recebimento de benefícios está suspensa em razão da pandemia do novo coronavírus, que dificultou a realização do procedimento presencialmente. A suspensão da obrigatoriedade vem sendo prorrogada desde então.

A previsão do governo é de que a prova de vida, procedimento que tem como objetivo evitar fraudes no pagamento de benefícios, volte a ser obrigatória a partir de maio. Os aposentados e pensionistas, entretanto, são incentivados a já se regularizar.

Para o secretário especial de Previdência e Trabalho, Bruno Bianco, a prova de vida por meio digital facilita o acesso sem prejudicar o controle. “Temos que fazer o controle, até para garantir que estamos pagando corretamente, mas esse controle tem que ser o mais leve, o mais fluído possível”, disse.



Por: Agência Brasil

Casal de empresários morre de covid com intervalo de 20 minutos na PB

Quarta-feira, 2de fevereiro de 2021
Matéria que tem a Colaboração para o UOL, em João Pessoa
Casal deixa duas filhas Imagem: Reprodução/Facebook
Um casal de empresários morreu ontem, no início da noite, com um intervalo de 20 minutos, por covid-19, no interior da Paraíba. José Carlos de Abreu Cartaxo, de 36 anos, e a esposa dele, Lívia Gonçalves de Abreu, de 35, estavam internados no Hospital Regional de Cajazeiras, que fica a 468 quilômetros de João Pessoa. Eles deixam duas filhas.

O casal foi internado após contrair a covid-19 e o quadro de saúde necessitar mais cuidados. Nos últimos dias, a condição deles se agravou e foi necessário fazer a intubação. Ontem, José Carlos não resistiu e morreu. Cerca de 20 minutos após, segundo a unidade, a esposa dele também faleceu.

Nas redes sociais, amigos e familiares lamentaram a perda do casal que deixa duas filhas. No perfil de José Carlos em uma rede social, ele aparece em várias fotos sem o uso da máscara de proteção, inclusive participando de eventos com outras pessoas.
Casal morreu em um intervalo de 20 minutos Imagem: Reprodução/Facebook
Em uma das postagem em que ele comemorava a passagem do aniversário em dezembro de 2020, o empresário escreveu: "Medo?! Sim tenho medo! Medo de morrer, de deixar quem me ama e vice-versa".

A Paraíba apresenta crescimento de casos de covid-19 nas últimas semanas, o que levou o governador João Azevedo (Cidadania) a anunciar novas medidas para tentar conter o avanço da doença.

Entre as medidas estão o toque de recolher em todo o estado no horário das 22h às 5h, fechamento da orla e adiamento das aulas da rede estadual que estava previsto para o início de março.

Segundo a Secretaria Estadual de Saúde (SES), a Paraíba tem 4.379 óbitos confirmados e ocupação de 76% dos leitos de UTI adulta.



Por: Colaboração para o UOL, em João Pessoa

CBF define quadro de arbitragem de São Paulo x Flamengo, no Morumbi

Quarta-feira, 2de fevereiro de 2021
Rodolpho Toski Marques (Fifa/PR) será o árbitro principal da partida de quinta-feira, na última rodada do Brasileirão e que envolve um dos postulantes ao título
Rodolpho Toski Marques será o árbitro da partida entre São Paulo e Flamengo (Reprodução/CBF)
O Campeonato Brasileiro terá sua rodada final na quinta-feira e o Flamengo, que visita o São Paulo no Morumbi, garante o Octa com uma vitória simples, sem depender do resultado do Internacional, o outro candidato ao título. A arbitragem da partida no Morumbi foi definida pela CBF nesta segunda-feira: Rodolpho Toski Marques (Fifa/PR) será o árbitro principal do confronto decisivo.

Os assistentes serão Ivan Carlos Bahn (PR) e Victor Hugo Imazu dos Santos (PR), enquanto Wagner Reway (PB) será o árbitro de vídeo, sendo auxiliado por Ricardo Marques Ribeiro (MG) e Oberto da Silva Santos (PB).

O jogo está marcado para às 21h30. No mesmo horário, em Porto Alegre, o Internacional recebe o Corinthians.



Por: LanceNet

Assembleia aprova multa para quem ‘furar fila’ na vacinação contra covid-19

Quarta-feira, 2de fevereiro de 2021
Matéria do Ânderson Soares
A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) aprovou, em sessão extraordinária realizada nesta terça-feira (23), multa de até R$ 10 mil para aqueles que desrespeitarem os critérios estabelecidos pelo Ministério da Saúde para a vacinação contra a covid-19. A Casa de Epitácio Pessoa aprovou ainda a realização de homenagem ao senador José Maranhão.

O texto, de autoria do deputado Anderson Monteiro, estabelece multa de 20 (vinte) a 200 (duzentos) Unidades Fiscais de Referência (UFIR), que pode chegar até R$ 10 mil, para aquele que ‘furar a fila’ da vacinação contra a covid-19. Para o parlamentar, o cidadão paraibano que de alguma forma for vacinado antes do momento correto, definido pelo calendário de vacinação, precisa ser responsabilizado pelo seu ato. “Haverá a aplicação de multa para quem ‘furar a fila’ da vacinação, não respeitando os profissionais de saúde, idosos e os critérios estabelecidos pelo Ministério da saúde”, afirmou o deputado autor. De acordo com o texto, a multa estabelecida será revertida para o apoio do tratamento de epidemias no Estado da Paraíba.

Através da aprovação do Projeto de Lei 2.106/2020, os parlamentares garantiram atendimento prioritário nas unidades de saúde da rede pública e privada do Estado da Paraíba, para as pessoas com sintomas de covid-19. De acordo com a deputada Cida Ramos, autora da proposta, o momento de pandemia requer a adoção de medidas capazes de combater a disseminação do coronavírus-19. “As pessoas com sintomas da covid-19 deverão buscar assistência médica e, nesse sentido, quanto menor o período de exposição dessas pessoas menor será o perigo de contágio”, justificou a deputada.

HOMENAGEM AO SENADOR JOSÉ MARANHÃO
A Casa de Epitácio Pessoa aprovou também a solicitação feita pelo deputado Raniery Paulino, através do Requerimento 245/2021, para a realização de Sessão Solene em homenagem Póstuma ao senador José Maranhão, Senador da República. O político foi também governador da Paraíba por três mandatos, deputado federal, deputado estadual e presidente do partido Movimento Democrático Brasileiro – MDB da Paraíba – e faleceu vítima de complicações da covid-19 no último dia 8 de fevereiro, aos 87 anos.



Por: Ânderson Soares

terça-feira, 23 de fevereiro de 2021

Pagamento dos salários de fevereiro dos servidores estaduais será quinta e sexta-feira

Terça-feira, 23 de fevereiro de 2021
Matéria da Assessoria do Governo da Paraíba
Foto: Reprodução
O pagamento dos servidores públicos estaduais, referente ao mês de fevereiro, acontece nesta quinta-feira (25) e sexta-feira (26). Na quinta, recebem aposentados, pensionistas e reformados, já na sexta-feira, é a vez dos servidores da ativa, da administração direta e indireta.

As datas foram anunciadas, nesta segunda-feira (22), pelo governador João Azevêdo, durante o programa Conversa com o Governador, transmitido em cadeia estadual pela rádio Tabajara e pelas redes sociais do governo.

Na oportunidade, o governador João Azevêdo ressaltou que, mesmo diante de todas as dificuldades decorrentes da pandemia da Covid-19, a Paraíba segue mantendo seu compromisso com os servidores, pagando dentro do mês trabalho. “Este mês é mais curto, mas o dinheiro está garantido. Mais uma vez, o Governo fez um esforço muito grande para manter seu compromisso de realizar o pagamento do funcionalismo dentro do mês trabalhado. Esta é uma forma de injetar recursos na economia paraibana”, frisou.

Calendário:
25/02 – aposentados, pensionistas e reformados;
26/02 – servidores da ativa (administração direta e indireta).



Por: Assessoria/Governo da PB

IBGE começa a inscrever para o concurso público com 3.365 vagas para recenseador na Paraíba

Terça-feira, 23 de fevereiro de 2021
As inscrições seguem até o dia 19 de março, exclusivamente pela internet.​ ​A taxa de inscrição é de R$ 25,77.
IBGE abre inscrições para concurso público (Foto: Reprodução)
O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) começa a inscrever nesta terça-feira (23), para o concurso público com 3.365 vagas para recenseador na Paraíba.
As inscrições seguem até o dia 19 de março,  exclusivamente pela internet. A taxa de inscrição é de R$ 25,77.
As provas serão realizadas presencialmente em 25 de abril.
Também estão abertas as inscrições para os cargos de agente censitário supervisor (ACS) e agente censitário municipal (ACM). As inscrições seguem até 15 de março pelo site. A taxa de inscrição é de R$ 39,49.
As provas objetivas serão aplicadas presencialmente no dia 18 de abril.
As provas serão realizadas em todos os municípios onde houver vagas.
Recenseador: Veja aqui o edital
Agente Censitário:  Veja aqui o edital


Por: Isabela Melo

Governador João Azevêdo anuncia suspensão de aulas presenciais nas escolas públicas e privadas e restrições aos cultos e missas

Terça-feira, 23 de fevereiro de 2021
Matéria do blog do Tião Lucena
O governador João Azevedo anunciou, na manhã desta segunda-feira (22), em entrevista à TV Cabo Branco, a suspensão de aulas presenciais nas escolas públicas e privadas, de cultos e missas e a defender o fechamento das praias por um período de quinze, como forma de deter o novo surto de coronavírus.

Azevedo reconhece que em março poderão surgir as consequências dos aglomerados havidos no período carnavalesco e acha que se as medidas de agora não forem praticadas, as consequências serão ainda maiores. Ele afirmou que os prefeitos devem atentar para o cumprimento das medidas restritivas apontadas pelo Governo, já que elas foram resultado de estudos científicos.



Por: Blog do Tião Lucena

Itapemirim agora é companhia de transportes aéreos

Terça-feira, 23 de fevereiro de 2021
Matéria do Portal 25 horas
Em meio a uma das maiores crises do setor turístico e dos transportes aéreos, o Brasil ganha mais uma companhia aérea. A primeira aeronave da Itapemirim Transportes Aéreos chegou hoje em Natal (RN). A partir de março, a companhia passa a voar em destinos nacionais com a promessa de democratizar o transporte aéreo brasileiro, e oferecer maior espaço entre as poltronas e serviço de bordo diferenciado.

A primeira aeronave decolou de Madri, na Espanha, e sua chegada ocorreu por volta das 12h30 deste sábado (20) — o evento pôde ser acompanhado pelas redes sociais.

Os aeroportos de Guarulhos (SP), Confins (MG) e Brasília deverão ser os hubs (centro de operações e conexões) da nova companhia aérea brasileira e os aviões terão capacidade para até 160 passageiros.

“Estamos radiantes com a oportunidade de riscar céu brasileiro com as cores da Itapemirim e oferecer novas possibilidades de viagem”, comentou Sideney Paiva, presidente do Grupo Itapemirim.





Por: Portal 25Horas

MOSTROU DEMAIS! Juliette se descuida e mostra seio enquanto troca roupa – VEJA VÍDEO

Terça-feira, 23 de fevereiro de 2021
Matéria do Site Polêmica Paraíba
Os participantes do BBB sofrem ao trocar de roupa, já que toda casa tem câmeras que flagram tudo que acontece . Eles precisam se ‘esconder’ nas toalhas e edredons, para não correr o risco de mostrar demais. Mas não teve pra Juliette Freire! A paraibana se descuidou e sem querer acabou mostrando demais no BBB21!

O episódio aconteceu na noite desde quinta-feira (18). Juliette conversava com as amigas Viih Tube e Sarah, enquanto trocava de roupa no quarto cordel. Ela estava com a toalha cobrindo seus seios, mas em um pequeno vacilo, a toalha caiu e o busto da advogada ficou à mostra.

Ao perceber que a toalha havia caído Juliette se assusta e ri nervosa.

“Foi rápido, foi rápido”, disse Sarah a amiga, dando a entender que não teria dado tempo do público perceber.

Juliette brincou com a situação. “Nem deixaram eu ajeitar para eu tirar foto. Que coisa chata, toda hora eu saio troncha nesses nudes. Tô irada”, afirmou.

“Da próxima vez ‘Juliette, atenção, você vai pagar um nudes.’ Aí eu faço uma pose”, completou a paraibana, rindo.

VEJA VÍDEO:
https://www.youtube.com/watch?v=lzemkQ60Y2M



Por:  Polêmica Paraíba
 
Copyright © 2013 PORTAL CONTINENTAL
Design by | T