ULTIMAS NOTICIAS

segunda-feira, 12 de agosto de 2019

Os frutos das áreas produtivas em propriedades referências nas quais a secretaria municipal do desenvolvimento econômico e agrário começam a ser colhidos

Segunda-feira, 12 de agosto de 2019
Nesta quinta-feira, 8, a equipe da SMDEA os especialistas da EMPAER visitaram as “aéreas produtivas das propriedades referências” com batata doce, supervisionaram o experimento de urucum e iniciaram o processo de silagem do sorgo, resultado de outro experimento desenvolvido pela secretaria.

Segundo os profissionais, o plantio de batata doce que fora feito seguindo as orientações e os procedimentos técnicos dos profissionais da EMPAER apresentam excelentes resultados, o desenvolvimento das raízes aos 45 dias do plantio compravam um diferencial enorme, se comparado com outras áreas que foram plantadas no mesmo período de forma tradicional; acredita-se que o aumento na produtividade possa chegar aos 40%, além da qualidade das raízes que estão sadias mesmo sem o uso de agrotóxicos. O cultivo do urucum também apresenta ótimos resultados, visto que as plantas estão com apenas um ano e a produtividade de primeira safra (a cultura do urucum só chega a sua plenitude produtiva no terceiro ano) é muito significativa. Inclusive, nos próximos dias já será feita a colheita, visto que as sementes já estão quase maduras.
No início da tarde teve início a colheita do sorgo para a confecção da silagem. A ação desenvolvida com o sorgo forrageiro este ano apresenta dois diferenciais, a variedade utilizada (sorgo boliviano gigante) e a forma da colheita. Enquanto no ano passado, a variedade utilizada apresentou uma média produtividade, cerca de 20 toneladas/há; este a previsão que se chegue a cerca de 70 toneladas/ha. O outro diferencial diz respeito a forma da colheita, no experimento passado (considerando o baixo volume/área colhido, 9,6 toneladas de silagem), a colheita se deu de forma manual; este ano, espera-se colher cerca de 100 toneladas de material a ser ensilado, por conta do volume, o trabalho foi realizado com uma colheitadeira mecânica.

No último domingo, um estudante da CCA/UFPB de Areia, junto com técnicos da SMDEA passaram o dia fazendo colheita do material, o qual será analisado no laboratório da universidade federal da Paraíba, com vistas a elaboração da sua composição (tabela) nutricional.

Mais fotos:














Por:Assessoria Prefeitura de Mari/PB

Perfil de ""

Formado em radialismo,Cursou A FUNETECE,Ensino médio Completo,E-mail: radialistasergiothiago@gmail.com.

Postar um comentário

 
Copyright © 2013 PORTAL CONTINENTAL
Design by | T